Profissionais

Sócios Administradores

Eduardo Romeiro graduou-se em Direito na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC/SP; Especializou-se em Processo Civil na mesma Universidade; Obteve LL.M na Universidade de Minnesota, EUA, concentrado em Resolução Alternativa de Controvérsias e Litígios. Eduardo é membro da Ordem dos Advogados do Brasil, da Associação dos Advogados de Sao Paulo; da International Bar Association – IBA; membro do comitê executivo da Law Exchange International; árbitro da Eurocâmeras em São Paulo.

Eduardo Romeiro atuou por cerca de ano em Nova Iorque como consultor em direito brasileiro para o Grupo de Prática de Resolução Alternativa de Controvérsias de um dos principais escritórios internacionais de advocacia, nas áreas de contencioso e arbitragem, tendo atuado por 13 anos em São Paulo, pelo mesmo escritório. Eduardo Romeiro possui sólida experiência em contencioso complexo e estratégico cível, abrangendo contencioso transnacional, ações civis públicas, contencioso contratual, contencioso empresarial, responsabilidade civil pelo produto, recuperação de crédito, entre outros. Eduardo Romeiro já promoveu seminários e escreveu artigos em sua área de atuação.

Eduardo Romeiro atuou com êxito nos seguintes casos mais recentes: (a) US$30 MM disputa comercial entre um grande produtor do ramo alimentício e seu distribuidor exclusivo no Brasil para impedir a rescisão pelo distribuidor de um contrato de 15 anos para ser o distribuidor de um concorrente; (b) US$50 MM disputa societária instaurada por acionistas contra o conselho de administração representando o conselho; (c) US$15 MM disputa envolvendo um fabricante japonês de equipamentos industriais e um ex-distribuidor exclusivo no Brasil que foi o seu distribuidor por aproximadamente 20 anos; (d) Casos envolvendo disputas contratuais referentes a projetos de infraestrutura do governo brasileiro, defendendo um importante cliente europeu engajado na área de energia – valor global acima de US$200 MM; (e) Disputa envolvendo o uso indevido de marca de titularidade de uma empresa dos EUA na área da indústria mecânica por uma empresa brasileira; (f) USS20 MM disputa comercial defendendo uma empresa governamental brasileira na área de gás natural contra fornecedores de serviços em virtude da rescisão de contratos decorrente de licitação pública; (g) US$10 MM disputa representando uma seguradora americana contra uma empresa varejista no Brasil; (h) Diversos casos de contencioso estratégico envolvendo uma subsidiária de uma empresa americana engajada na área de eletrodomésticos em assuntos relacionados com a responsabilidade pelo produto; (i) Arbitragem envolvendo disputas relacionadas com uma operação de fusão & aquisição no valor de US$40 MM; (j) Disputa envolvendo grandes concorrentes na indústria de eletrodomésticos na qual se discute concorrência desleal; (k) Representação de uma indústria química francesa em ação pública envolvendo a contaminação do solo e do ambiente; (l) Representação de empresas brasileiras em uma ação pública envolvendo sites de aterro sanitário, onde empresa terceirizada contratada para realizar reciclagem dispensava “água suja” no solo, causando contaminação; (m) Execução de garantias e títulos de crédito.
Graduado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, freqüentou o curso The United States Law and Legal Institutions na Universidade de Wisconsin, em Madison, Estados Unidos. Atuou por mais de 20 anos na Divisão Jurídica da Volkswagen do Brasil, em São Bernardo do Campo, SP, tendo gerenciado diversos departamentos, tais como o societário, trabalhista, contratual e de projetos especiais. De 1996 a 2006 foi sócio em escritório de advocacia associado a uma rede internacional, localizado em São Paulo, SP, coordenando e realizando trabalhos com clientes japoneses, americanos e europeus, principalmente em projetos de fusões e aquisições. Membro do Instituto de Direito Comparado Brasil-Japão. Membro do Conselho Deliberativo da Associação dos Ex-Bolsistas do Ministério das Relações Exteriores do Japão. Membro de diversas entidades sócio-culturais.
Atua em São Paulo desde 1993. Formado pela Universidade de São Paulo, com mestrado em direito comercial e doutorado pela Universidade de Munique, Alemanha. Atua nas áreas de contratos, direito societário, fusões e aquisições, mercado de capitais, seguros e direito bancário. Membro efetivo do Instituto dos Advogados de São Paulo (IASP). Membro da Associação de Juristas Brasil-Alemanha (DBJV). Coordenador do Comitê Jurídico do Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC). Coordenador do Comitê de Mercado de Capitais e Direito Societário do IBRADEMP. Publicou diversos trabalhos no Brasil e no exterior.
É formado pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, com especialização em Direito Processual Civil pela faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Cursou o Summer Programm in US Law Institution promovido pela Faculdade de Direito da Universidade de Winsconsin; e curso de Extensão sobre Lei e Falências e Recuperação Judicial promovido pela Escola Paulista de Magistratura. Tem extenso e sólido conhecimento e prática no contencioso civil e comercial, em ações civis públicas, e em questões envolvendo, dentre outras, falência e recuperação judicial, consumidor – CDC, representação comercial. Desenvolveu alta especialidade em Arbitragem Comercial, dedicando-se, outrossim, ao desenvolvimento dos chamados Métodos Alternativos de Solução de Disputa – ADR methods. É co-fundador do CBAr – Comite Brasileiro de Arbitragem, tendo sido seu primeiro Tesoureiro, estando listado como árbitro por importantes centros de arbitragem brasileiros. Antonio Penna está listado pela Chambers Latim America Client’s Guide dos anos 2009, 2010 e 2011 como um dos mais reputados profissionais na prática contenciosa. Tem desenvolvido a prática contenciosa durante os últimos 30 anos, tendo integrado e coordenado os departamentos contenciosos de dois dos mais importantes escritórios de advocacia com atuação no cenário nacional e internacional. Foi Procurador do Município de São Paulo, sendo membro do CONJUR – Conselho Superior Jurídico e Legislativo da FIESP. Tem participado de inúmeras palestras, seminários, workshops, congressos, seja como palestrante, seja como convidado, sendo autor de artigos e trabalhos sobre a prática contenciosa e Arbitragem, destacando-se International Arbitration/Brazil Chapter – Winning Legal Strategies (2005), Arbitration – The Brazilian Perspective – Latin America Law and Business Report (2001), ed Commercial Leasing – A Case of Study of Article Repossession – Latin America Law and Business Report (1994).
Atua em São Paulo desde 1990. Formado pela Universidade de São Paulo, com doutorado em Direito Econômico e Financeiro pela Universidade de São Paulo. Atua na área tributária (contencioso, consultoria e planejamento). Coordenador do mestrado profissional em Tributação Internacional do Instituto Brasileiro de Direito Tributário (IBDT). Árbitro da Câmara de Mediação e Arbitragem das Eurocâmaras (CAE). Membro da Comissão de Contencioso Tributário da OAB/SP. Membro do Instituto Brasileiro de Direito Tributário (IBDT). Membro do Conselho Científico da Associação Paulista de Direito Tributário (APET). Membro efetivo do Instituto dos Advogados de São Paulo (IASP). Membro da International Association of Tax Judges (IATJ). Ex-Conselheiro da 3a Seção do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (CARF). Ex-professor de Direito Tributário da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Ex-Membro do Tribunal de Ética  e da Comissão de Direito Tributário da OAB/SP. Autor do livro ′Bitributação Internacional e Elementos de Conexão". Coordenador e Coautor dos livros "Direito Tributário Internacional" e “PIS e COFINS à luz da jurisprudência do CARF" (vols. 1, 2 e 3). Coautor de 22 livros e autor de diversos artigos tratando de assuntos tributários.
Foi nominado para a 5a. e 6a. edições da “International Tax Review′s Tax Controversy Leaders Guide” (2015 e 2016); também como “2016 Leading Tax Advisor of the Year - Brazil” (Acquisition International Magazine); como “2017 Tax Planning - Lawyer of the Year – Brazil” (Finance Monthly Magazine) e como "2017 Tax Lawyer of the year - Brazil" (International Advisory Experts).
Juliano Marques é formado pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, com pós graduação em Direito Econômico e Setores Regulados pela FGVLaw e Direito Imobiliário pelo SECOVI-SP; cursou MBA Executivo da Fundação Dom Cabral. Foi membro da Comissão de Direitos Coletivos do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil. Integrou renomado escritório brasileiro sediado em São Paulo especializado em contencioso estratégico e recentemente foi sócio de grande escritório associado a banca internacional de atuação mundial, no grupo de prática de contencioso cível e comercial. Foi executivo do Jurídico da Souza Cruz e da Whirlpool, nas quais atuou no planejamento e desenvolvimento de projetos estratégicos, em especial, nas áreas de prevenção e solução de litígios de alta complexidade em questões Comerciais, Regulatórias e das Relações de Consumo, além de ter atuado em projetos multidisciplinares de Compliance, Gestão de Crise e Relações Governamentais.